sábado, 11 de setembro de 2021

Jazz na Calçada

 


Hoje (11), rola Jazz na Calçada. O convidado especial deste sábado é Enrico Di Miceli.

Macapá/AP. 

terça-feira, 31 de agosto de 2021

Data do evento "Corpo Gordo em Debate" é alterada por conta da pane de internet no Amapá




Durante a pandemia muitas questões importantes foram trazidas para o debate online. Muito se argumentou sobre as questões raciais e de gênero, entre outras, tão importantes quanto essas, no entanto, pouco se falou sobre gordofobia, moda, empreendedorismo, saúde e outros assuntos que envolvem o universo Plus Size. E são esses temas que farão parte da live “Corpo Gordo em Debate”, evento que aconteceria no domingo (29), e agora acontece no próximo domingo (5). A alteração na data se deu por conta da oscilação da rede de Internet ocorrida nos últimos dias, no Amapá. O evento será transmitido via instagram das realizadoras:

Ingrid Barros (@ingrid__barros) é modelo plus size, gestora de projetos e socióloga, Lunna Sandim (@lunna sandim) é psicóloga clínica e Érika Oliveira (@erkaoliveira_plusize) trabalha como empreendedora digital, e é especialista em Mercado Fashion Plus Size.

Serviço:
Live Corpo Gordo em Debate
05/09 (Domingo) | 20h | Instagram

Assessoria de Imprensa
Mary Paes

Contato: (96)98138-5712

Domingo vai rolar Hip Hop na Praça Floriano Peixoto

 


Com a pandemia, a efervescência cultural amapaense  deu uma pausa nos eventos presenciais. 

Felizmente, com o aumento do número de pessoas vacinadas,  a vida vem, gradativamente, voltando à normalidade. E pra quem estava com saudades do Hip Hop e do Rap nas praças da cidade, vai rolar um bailão, no próximo domingo (5),  às  16h,  na praça Floriano Peixoto, com várias atrações do nosso estado.


 Participações:


- DJ'S -

@fala_insane

@djlfoxnapista

@prod.dropanda


- ATRAÇÕES -

@maniva_venenosa

@jhimmyfeiches

@cl_cria

@bemderua_oficial

@fgomcs

@tiosann23

@yannamc_rapper 

@jottaerremc


 Serviço

O HIP HOP NÃO MORREU!

Realização Dj Insane

Dia 5, domingo | 16h

Local:  Praça Floriano Peixoto

sexta-feira, 27 de agosto de 2021

Uma Vida em Poesia

No livro "Memórias Poéticas" Fabio Gomes fala de seu processo criativo e reúne poemas dos anos 80 e 90

Tive acesso, ainda na fase de pré-lançamento, ao e-book 'Memórias Poéticas', o 11º livro do escritor Fabio Gomes. A obra conta a trajetória do autor sob o prisma da poesia, desde seu contato inicial com essa arte, aos 6 anos de idade, em ambiente escolar, passando pela difusão dos primeiros poemas em jornal, livro e rádio, até os dias de hoje, em que divulga seus versos através das redes sociais.


Capa do livro

Na obra, escrita durante a pandemia de 2020, o autor nos convida a conhecer o seu processo criativo, suas influências literárias e mesmo sua inspiração em situações do cotidiano. Um poema, por exemplo, pode nascer a partir de acontecimentos políticos ou sociais da época. Em meio aos relatos, Gomes insere os poemas que escreveu nos anos 1980 e 1990.

Minhas impressões sobre o livro foram as melhores. Em toda a obra de Gomes, é possível observar a crítica, explícita ou nas entrelinhas. É uma escrita inteligente e rica em argumentos. A capa do livro é um poema à parte, que nos remete a uma viagem no tempo, em que podemos vivenciar as fases de transformação da Poesia na vida do escritor.

Nesta foto estou lendo o livro Memórias Poéticas e fazendo 
minhas observações.

Obs: Você poderá ler este e-book nos aplicativos Kindle em notebook ou celular, ou ainda no e-reader Kindle.

Compre no link




quinta-feira, 26 de agosto de 2021

Monólogo teatral ‘Jornada Bufa” aborda vivências de um catador de lixo

O trabalho será apresentado de forma on-line e presencial quinta e sexta-feira


A invisibilidade e o preconceito vivido pelos catadores de lixo são retratados no monólogo ‘Jornada Bufa’, encenado pelo ator Jhou Santos. O trabalho será apresentado na quinta (26) e sexta-feira (27) de forma on-line e presencial. A obra é apoiada pelo Edital - Carlos Lima “Seu Portuga”, da Secretaria de Estado da Cultura, por meio da Lei Aldir Blanc.

Jornada Bufa traz para a cena os dilemas enfrentados por muitas pessoas diariamente. O catador de lixo, que no monólogo se chama Bufa, durante o espetáculo mergulha em diversos questionamentos sobre sua própria existência diante da desigualdade social e econômica.

Foto Divulgação

As apresentações irão acontecer em dois formatos desta vez. Primeiro na versão on-line gravada em 2019, que será exibida nesta quinta-feira, 26, no Facebook e Youtube da Secretaria Extraordinária de Juventude – SEJUV e de forma presencial, mas adaptada para uma duração menor, na sexta-feira, 27, na Escola Estadual Wilson Hill de Araújo no município de Itaubal, às 15h.

Ambas as apresentações acontecem dentro da programação do projeto Mostra Cultural Cena Jovem Amapaense, realizada pela Cia Tucuju, Cortejo Produções em parceria com a SEJUV.


O espetáculo


Foto Divulgação


Jornada Bufa tem a dramaturgia montada pelos artistas Jhou Santos e Wellington Dias, teve início no seu processo de experimentação no ano de 2018, onde realizou nas ruas do centro de Macapá intervenções a partir do personagem Bufa. Em 2019, integrou a programação da II Semana Amapaense de Teatro no Céu das Artes, fez parte também do VI Encontro Nacional Pedagogia das Artes Cênicas sediado na Universidade Federal do Amapá – UNIFAP e ficou em temporada no Teatro Marco zero, apresentando-se todas as quartas feiras do mês de junho.

O artista


Foto Divulgação


Jhou Santos é ator, diretor, produtor cultural e arte-educador. Formado em Licenciatura em Teatro pela Universidade Federal do Amapá. É coordenador de produção da Cortejo Produções artísticas e diretor artístico da Cia de Artes Tucuju. Recebeu o Prêmio de Cultura e Arte da Fundação Municipal de Cultura de Macapá através do edital Nº 004/2020 – FUMCULT/PMM e o Prêmio “SINEY SABOIA” de Arte e Cultura concedido pela Secretaria de Estado da Cultura do Amapá através do edital Nº 005/2020 - SECULT/AP, ambos apoiados pela Lei Aldir Blanc recebeu. John também já integrou a coordenação da III Semana amapaense de Teatro. É o idealizador e assina a direção artística da 1ª Mostra Cultural Cena Jovem Amapaense.

SERVIÇO

Jornada Bufa
Youtube: Secretaria de Juventude do Amapá
Facebook: Secretaria de Juventude do Amapá
26 de agosto às 16h
27 de agosto às 15h
Escola Estadual Wilson Hill de Araújo – Município de Itaubal


FICHA TÉCNICA:

Atuação: Jhou Santos
Direção: Wellington Dias
Dramaturgia: Jhou Santos e Wellington Dias

Produção: Jimmy Sammy

terça-feira, 24 de agosto de 2021

Corpo Gordo é tema de debate online


Durante a pandemia, muitas questões importantes foram trazidas para o debate online. Muito se argumentou sobre as questões raciais e de gênero, entre outras, tão importante quanto essas, no entanto, pouco se falou sobre gordofobia, moda, empreendedorismo, saúde e outros assuntos que envolvem o universo Plus Size. E são esses temas que farão parte da live “Corpo Gordo em Debate” que acontece no próximo domingo (29), pelo instagram das realizadoras:

Ingrid Barros (@ingrid__barros) é modelo plus size, gestora de projetos e socióloga, Lunna Sandim (@lunna sandim) é psicóloga clínica e Érika Oliveira (@erkaoliveira_plusize) trabalha como empreendedora digital, e é especialista em Mercado Fashion Plus Size.

                                                Ingrid Barros - foto: Júlio Becker

                                                    Érika Oliveira - autorretrato

                                                  Lunna Sandim - foto divulgação


Serviço:

Live Corpo Gordo em Debate
29/08 (Domingo) | 20h | Instagram das realizadoras



Assessoria de Imprensa
Mary Paes
Contato: (96)98138-5712

sexta-feira, 16 de julho de 2021

Nesta sexta-feira bandas de Macapá apresentam live Pra Matar a Saudade


 

Pra matar a saudade das bandas e dos shows na querida Macapá, as bandas Desiderare, O Sósia e Trio Canícula Blues reuniram-se num fim de tarde para tocar suas músicas mais envolventes. O resultado desse encontro será apresentado hoje (16), nas plataformas digitais de forma gratuita através da live “Pra matar a saudade”.

O evento conta com a apresentação do Trio Canícula Blues e seu ritmo cativante. Em um show composto por músicas autorais e outros sucessos das décadas de 60 e 70, Ronilson Mendes, André Cantuária e Luiz Sabioni apresentam toda potência do rock blues feito no Amapá.

A segunda apresentação da noite fica por conta da banda Desiderare, trazendo um show poético musical repleto de composições próprias da banda produzidas ao longo dos mais de 8 anos de carreira.

Pra encerrar o show, não a saudade, a banda O Sósia traz um show com músicas já conhecidas do público e outras que foram produzidas no período de isolamento.

Serviço

Live Pra Matar a Saudade
16/7 - a partir das 18h30, nos perfis facebook.com/ososia.ap e no YouTube do Instituto Tarumã.

quinta-feira, 8 de julho de 2021

Fabio Gomes lança livro Memórias Poéticas

 

O livro foi escrito durante a pandemia de 2020

Na próxima segunda-feira (12), acontece o lançamento de Memórias Poéticas, novo livro do escritor, fotógrafo, poeta e jornalista Fabio Gomes. Para o autor, a data escolhida tem um significado especial, por nesse dia, em 1987, ele ter escrito seu mais antigo poema, intitulado "Tá Chovendo Lá Fora". O poema, em forma de diálogo entre um casal em vias de separação, está publicado em seu segundo livro, A Garota no Bar, de 1990. 

Sobre o livro

Fabio Gomes escreveu Memórias Poéticas durante a quarentena de 2020. O livro relata toda a convivência do autor com a Poesia, desde a escrita dos primeiros versos, inicialmente no ambiente escolar, até a difusão dos poemas através de jornal, livro e rádio. A fotografia de capa remete hipoteticamente o leitor a uma viagem no túnel do tempo, em que se pode vivenciar as fases de transformação da Poesia na vida do escritor. O livro ainda traz, em paralelo, um peculiar panorama de aspectos da vida brasileira (e até mundial) do final da década de 1970 até (praticamente) ontem.

Fabio Gomes - Crédito da foto: Prsni Nascimento

O autor disponibilizou o livro em formato e-book para a pré-venda, em promoção até as 12h de segunda-feira (12), no valor de R$ 20,00 (são 20% de desconto sobre o valor normal do livro). Todos os e-books reservados até a data e horário mencionados serão enviados para o e-mail dos compradores. 

Site do autor:  https://fabiogomesfotocinema.com.br/   

Acesse o Instagram de Fabio Gomes Aqui

Telefone para mais informações: (96) 98138-5712 (WhatsApp) \\ 99179-4950 (ligações)


quarta-feira, 30 de junho de 2021

O livro 20 Marias em um Grito fala do cotidiano da mulher que foge dos padrões



A antologia nacional "20 Marias em um grito" foi organizada pelo projeto "Por Um mundo com mais Leitura” e publicada pela editora Ser Poeta. Lorrana Maciel, representa o Amapá nesta obra, lançada em março deste ano, pelas redes sociais da autora. 
 
Lorrana Maciel

Mary Paes participou do lançamento do livro, como convidada e falou algumas de suas poesias mais quentes. A cantora e compositora Fernanda Canora, também participou da Live, cantando algumas de suas canções autorais. 
 
Mary Paes
 
 
                                                                Fernanda Canora

 


Sobre a coletânea

Koanna K. Pontes conceitua a obra como Inspirações poéticas de mulheres dos quatro cantos do Brasil, relatando sonhos e lutas diárias, libertando verdadeiras heroínas dos padrões convencionais em uma sociedade machista.

Informações para compra: (081) – 98641.1677

Site https://www.editoraserpoeta.com.br/

 

 

quinta-feira, 2 de abril de 2020

Jovem Aprendiz dos Correios: inscrições vão até 30 de abril




Os Correios iniciaram, na terça-feira (31), as inscrições para o Programa Jovem Aprendiz. São 4.462 vagas, mais a formação de cadastro reserva, disponíveis em todo o território nacional. 

Para o Amapá são 10 vagas, mais a formação de cadastro reserva.

Para participar, é preciso ter entre 14 e 22 anos de idade completos; cursar, no mínimo, o 6º (sexto) ano do Ensino Fundamental; estar matriculado e frequentando a escola, além de não ter sido contratado anteriormente como jovem aprendiz dos Correios e/ou ter mantido vínculo empregatício com a empresa, dentre outros requisitos. 

Os jovens selecionados terão uma jornada semanal de 20 horas, receberão o salário mínimo-hora no valor de R$ 490,83, além de vale-transporte, vale-refeição ou alimentação e uniforme. Do total das vagas, 10% serão destinadas aos candidatos na condição de pessoa com deficiência e 20% aos que se declararem negros e pardos. 

Durante a vigência do contrato especial de aprendizagem, o Jovem Aprendiz conciliará a fase teórica dos cursos de Assistente Administrativo e de Assistente de Logística, em entidade qualificada na formação técnico-profissional, e a fase prática nos Correios. A seleção será simplificada, realizada por meio de comprovação de requisitos referentes à renda familiar, idade na inscrição, tipo de instituição de ensino onde estuda e participação em projetos sociais, a partir de pontuação detalhada no edital. 

As inscrições estão abertas até o dia 30/4. Todas as informações estão disponíveis na página dos Correios.



Assessoria de Comunicação - AP
(96)98138-5712

quarta-feira, 4 de março de 2020

Livro "Caboclo Félix - Negras mãos entre o seringal e a arte" será lançado hoje na Quarta de Artes da Pleta



A Quarta de arte da Pleta e o coletivo 25 das Pretas lança o livro: "Caboclo Félix - Negras mãos entre o seringal e a arte", nesta quarta-feira (4), 17h30 no Sankofa ,com transmissão ao vivo do programa café com notícia.

"O livro 'Caboclo Félix - Negras mãos entre o seringal e a arte' é fruto de uma pesquisa de 6 anos, resultando numa literatura que transita entre uma biografia familiar e a investigação acadêmica. Escrito pela filha do personagem central, o livro conta a história de Milton Peloso, um caboclo afroindígena que viveu em três territórios do interior da Amazônia brasileira. Um homem do povo, boêmio que conheceu os encantos e os desencantos da floresta, e chegou a viver do extrativismo e da pesca, mas teve que se transformar em um soldado da borracha fordista. 
Toda a renda arrecadada com a venda do livro vai para o fundo do projeto social "Por Mais Cem Anos" que os irmãos Peloso da Silva criaram para transformar a casa onde a família se criou no Centro Cultural Milton e Eunice Peloso, espaço a serviço da população da cidade de Santarém e região do Baixo Amazonas."

Carinhosamente,
Euniciana Peloso da Silva.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2020

Estão abertas as inscrições para o 49º Concurso Internacional de Redação de Cartas

As inscrições para o 49°Concurso Internacional de Redação de Cartas começaram na segunda-feira, 10 de fevereiro. Promovido anualmente pela União Postal Universal (UPU), e realizado no Brasil pelos Correios, o concurso objetiva estimular jovens e crianças a expressarem sua criatividade e a melhorarem seus conhecimentos linguísticos, por meio da redação de cartas. Desenvolvida em parceria com escolas e estudantes de todo o país, em 2019 a iniciativa recebeu mais de 6 mil inscrições. 

Em 2020, o tema da redação é: “Escreva uma mensagem para um adulto sobre o mundo em que vivemos”. Estudantes com até 15 anos, da rede pública e privada de ensino, podem participar com redações redigidas de próprio punho, com caneta esferográfica preta ou azul. Os textos devem ser produzidos em língua portuguesa, ser relacionados estritamente ao tema e conter, no máximo, 800 (oitocentas) palavras. As inscrições podem ser feitas até o dia 20 de março de 2020. 

O primeiro colocado em cada Estado, e sua respectiva escola, receberão prêmios em dinheiro e participarão da fase nacional. Nesta segunda fase, também serão premiados os três melhores colocados. Além de troféu, os vencedores receberão certificado e prêmios de até R$ 10 mil. O primeiro lugar nacional representará o Brasil na etapa internacional. O regulamento completo do Concurso Internacional de Redação de Cartas e o formulário de inscrição estão disponíveis no site dos Correios.




Brasil no Concurso de Cartas – Em 48 edições, o Brasil ocupa a segunda posição no ranking de vencedores na etapa internacional, ficando atrás apenas da China. O Brasil já ganhou 3 medalhas de ouro (1972 /1988 / 2006), 2 medalhas de prata (1978 / 1980), 2 medalhas de bronze (1992 / 2015) e recebeu menções honrosas na etapa internacional, em 2009, 2012, 2016, 2017 e 2018. A realização do concurso é uma das ações de responsabilidade social desenvolvidas pelos Correios.



Assessoria de Imprensa
Superintendência do Amapá
imprensa-ap@correios.com.br
(96) 3198-7208 / 98138-5712

quinta-feira, 28 de novembro de 2019

Neste sábado rola Plantão da campanha Papai Noel dos Correios em Macapá



Papai Noel dos Correios - Plantão neste sábado para adoção de cartas e recebimento de presentes 

A agência central dos Correios em Macapá, abre neste sábado (30), das 8h às 12h, somente para atender a campanha Papai Noel dos Correios. As cartas estarão disponíveis para adoção e os coordenadores estarão a postos para o recebimento dos presentes trazidos pelos padrinhos. Este ano a campanha completa 30 anos. São muitos anos de histórias emocionantes contadas ao Bom Velhinho. Venha adotar uma carta! Seja você, o Noel! 

Funcionamento da campanha 

A adoção pelos padrinhos é feita da mesma maneira em todo o Brasil: as cartinhas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas na Casa do Papai Noel ou em outras unidades da empresa. Os Correios não distribuem cartas para adoção diretamente à população, em suas residências. As cartinhas do Papai Noel dos Correios ficam disponíveis apenas nos locais indicados no blog da campanha. 

Os presentes são recebidos nos pontos de entrega divulgados pelos Correios para que, posteriormente, a estatal realize a distribuição. Não é permitida a entrega direta do presente e, para assegurar a observância desse critério, o endereço da criança nunca é divulgado ou informado ao padrinho. 


Serviço 

Plantão da campanha Papai Noel dos Correios 
Data: 30/11/2019 
Horário: das 8h às 12h 
Local: Agência Central dos Correios de Macapá – Av.: Coriolano Jucá, 125 - Centro

sábado, 5 de outubro de 2019

Artista plástica Silvia Marília integra exposição de reabertura da Galeria Trokkal


Acontece no próximo dia 8 de outubro a reabertura da Galeria Trokkal, localizada na Praça Veiga Cabral, o lançamento está previsto para as 19h. E a artista plástica Silvia Marília integra a exposição que reúne 29 artistas macapaense.

A Fundação Municipal de Cultura (Fumcult) foi quem preparou a exposição coletiva intitulada “Nosso lugar”. A exposição de reabertura é a mesma que passou pelo Senado Federal nas comemorações dos 76 anos de criação do Território Federal do Amapá em setembro passado.




Fazem parte da exposição obras de Cláudio Muniz, Rodrigo Cid, Coaracy Fonseca, Alinne Brito, Afrane Távora, Jeriel, Jorron, Joel Sousa, Wagner Ribeiro, Grimualdo Barbosa, Alesandra Vilhena, Ecenildo, Will Cruz, Mapige Gemaque, Silvia Marília, Miguel Arcanjo, Mário D’Souza, Beto Peixe, Dekko Matos, Marconi Silva, Ernandes Melo, Naty Muniz, Célio Souza, César Cabral, Josaphat, J. Marcio, Ralfe Braga, F. Damasceno e Egidio Gonçalves.

Sobre a Galeria Trokkal


O espaço estava fechado para pequenos reparos, que incluem pintura, iluminação cênica e manutenção no sistema elétrico e de refrigeração.


terça-feira, 10 de setembro de 2019

Galeria Fátima Garcia recebe a exposição coletiva MARGENS

Capa da Exposição MARGENS, obra do artista Gesiel Sants



A abertura da exposição MARGENS acontece na próxima semana, na Galeria Fátima Garcia / DEPLA (Prédio de Artes e Letras) UNIFAP. A exposição é compreendida como uma “caixa de gentilezas”, onde artistas e colaboradores depositaram fragmentos de seus enredos urbanos, para contemplação e deleite de seus observadores.

Um grupo de 14 artistas entre eles, ilustradores, tatuadores, grafiteiros e músicos se debruçaram num processo inventivo que difere totalmente de sua plataforma original. Não se tem muros, nem ruas, nem lousas, nem instrumentos musicais, nem uma pistola de tatuagem, mas, o picho, o grafite, os pincéis, as cores, os sons, a tatuagem.

É nesse tráfego de contramão, que os artistas vêm depositar a urbes num espaço para a mediação artística-educativa sobre a cidade. Não se quer ousar dizer, que a arte de rua (Street Art) se encaixou ou se adaptou para um espaço museológico tradicional, antes sim, apontar que a perspectiva é gerar sensações, reflexões e debates sobre vivências e intercâmbios artísticos quase ilógicos, porém, possíveis.

É a primeira exposição de grande porte que a galeria Fátima Garcia recebe, inaugurada em 2018, recebeu o nome recentemente, em homenagem a uma educadora do curso de Licenciatura em Arte Visuais da Universidade Federal do Amapá. A galeria carrega a honra de homenagear uma mulher de trajetória forte na formação de artistas e arte-educadores.

A exposição faz parte do calendário do Circuito Traços de Graffiti. A intenção é, a priori, alavancar o cenário de urbanografias, nas quais se discute e ampara a sinestesia das ruas, trazendo os artistas atuantes para diálogos com novos talentos que querem imergir nessa linguagem. Dentre as obras, pode-se observar variadas técnicas como as tridimensionais, verticais, desenhos sobre madeira, telas, papeis diversos, sprays, acrílicas, aquarelas.

A exposição permanece aberta ao público, sob agendamento de mediação, até o dia 04 de outubro de 2019. Agendamentos de visitas guiadas para estudantes e grupos, poderão ser feitas pelo número (96)981015964 ou no perfil oficial do evento (@circuitotracosap).


Serviço:

Exposição Margens

Curadoria e montagem: Lene Moraes

Responsável técnico: Silvia Carla Marques

Abertura: 20/09/19

Horário: 20h

Local: Galeria Fátima Garcia / DEPLA (Prédio de Artes e Letras) UNIFAP

Duração: 15 dias

Detalhes: Exposição Coletiva

Artistas: Aron Miranda, Ash, Campis, Cotonete, Eder Pimenta, Gafa, Gesiel, Kash, Branks, News, Moka, Muller Lopes, Nomed e Nindelfor.

quarta-feira, 4 de setembro de 2019

Hoje tem Quarta de Artes da Pleta no Sankofa


A QUARTA DE ARTE DA PLETA em sua edição AXE SANKOFA comemora os 5 anos do Espaço Cultural Sankofa EcoCasa recebendo o artista Erick Pureza.

Erick Pureza, iniciou sua carreira artística em 2014 como violonista e cantor. Desde cedo, compondo  diversas canções.

"A música é uma forma de expressar, por meio da voz e do meu instrumento, o que sinto e o que acredito. Por ser uma manifestação artística, me enquadro como propagador de arte. Musicalmente, admiro muitos artistas, como: Ed Motta; Tim Maia; Lulu Santos; Osmar Junior; Val Milhomem dentre outros. Ser negro é entender e amar minhas raízes, minha história. É saber de onde vim, e o quanto custou pros meus antepassados meu sorriso hoje." Comenta Pureza.

O artista participa de diversos projetos culturais, tais como: Sarau lítero musical dos inconformados; cabaret litero-musical desclassificáveis; poemas para os inocentes; arte tattoo e música na periferia, dentre outros, com diversos parceiros dos movimentos sociais, igrejas e escolas.

Trecho de poesia de Erick em homenagem a Macapá
...
"De frente pro rio eu vi o Rei nascer
E me deixei navegar por sua beleza
Quem dera continuar ali
Por dias e só sentir a brisa
Que o vento traz e faz relaxar
Deixei por terra a carga negativa
E a brisa me faz viajar
Totalmente nas ondas do Rei Jah"
...
Andreia Lopes, organizadora da Quarta de Artes da Pleta, convida o público dessa forma: "Nosso encontro de amor e arte te espera para comemorar essa história! Vem que o presente é Você!"


Correios lança selo alusivo à Semana do Brasil


Os Correios participaram, nesta terça-feira (3), da cerimônia de abertura da Semana do Brasil, no Palácio do Planalto, em Brasília/DF, e confirmaram seu apoio ao projeto do Governo Federal. Na ocasião, a empresa lançou selo personalizado e carimbo comemorativo alusivos à campanha, que tem o objetivo de estimular as vendas no país, oferecendo aos consumidores ofertas e descontos nas maiores e melhores lojas brasileiras, no período de 6 a 15 de setembro. 

O presidente dos Correios, Floriano Peixoto, que conduziu a obliteração do selo, destacou a importância da emissão para marcar o resgate do patriotismo e do potencial econômico nacional. “Utilizando as cores de nossa bandeira, essa emissão filatélica celebra a criação de um novo marco no calendário do comércio brasileiro, que se repetirá todos os anos. Como empresa de encomendas número 1 do país, estamos prontos para ajudar a movimentar o comércio e fortalecer a economia”, disse o dirigente. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, disse que a iniciativa da Semana do Brasil é uma oportunidade de mostrar a força do país e do povo brasileiro ao mundo. “Esse é o nosso Brasil, um país riquíssimo, que tem tudo para dar certo. Depende apenas de cada um de nós. Esse dia 7 é muito importante, pois é o momento que estamos nos reencontrando com as cores da nossa bandeira e com o seu lema: Ordem e Progresso”, discursou o presidente. 

Também participaram do lançamento o vice-presidente da República, General Hamilton Mourão; o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos; o chefe da Secretaria Especial de Comunicação Social do Governo Federal, Luis Wajngarten; o ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes; e o presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães. 

Os interessados em adquirir o selo personalizado poderão encomendá-lo em qualquer agência de Correios. Os selos serão enviados para o endereço informado pelo cliente. A peça também estará disponível na loja virtual dos Correios.

quinta-feira, 22 de agosto de 2019

Nesta sexta-feira (23), rola a segunda edição do Projeto Des-Concerto, no Teatro das Bacabeiras

arte: by Rodrigo Aquiles

A Secretaria de Estado da Cultura (Secult), por meio de sua Coordenadoria de Ação e Difusão Cultural, realizará nesta sexta-feira (23), a partir das 18h, no Teatro das Bacabeiras, o Projeto Des-Concerto. O proposta é experimental e visa popularizar a música instrumental, com o objetivo de inserir o estilo no cotidiano da população. As atrações serão os músicos Heluana Quintas, Thaís Oliveira, Colibris, Nitai Santana e Breno Phernan.
A ação está na sua segunda edição. A exemplo da primeira apresentação, realizada em julho de 2019, o Projeto Des-Concerto ocorrerá na porta dos fundos do Teatro das Bacabeiras, de modo a transformar o receio ocasionado pela imponência estrutural-arquitetônica em experiências sonoro-visuais que aproximem a proposta musical das pessoas.
Conforme o coordenador de Ação e Difusão Cultural da Secult, Cláudio Silva, a ação é pautada na formatação de novos públicos, atribuindo novos olhares a este gênero musical.
“Queremos a experimentação na sonoridade e na ambientação, a ideia é desconstruir ideias pré-formatadas acerca do gênero e construir novas possibilidades, a partir de sua apreciação despretensiosa. Nosso público alvo são trabalhadores do Centro Comercial da Cidade, que ao final do expediente, poderão utilizar a arte enquanto instrumento-ferramenta de despressurização.”, salientou Cláudio Silva.

Músicos Osmar Júnior e Otto Ramos, na primeira edição do Projeto Des-Concerto
 – Foto: Nayana Magalhães

De acordo com o titular da Secult, Evandro Milhomen, a ideia é expandir e aproximar o população a novas possibilidades, de modo a ampliar o acesso e os horizontes culturais do País e do Estado, que são ricos em diversidade e qualidade.

“Temos trabalhado no incentivo e implantação de atividades que visam dar uma maior visibilidade à cultura amapaense. Buscamos sempre apoiar os músicos do Amapá e demais segmentos culturais, sem exceção, pois é fundamental promover cultura para todos”, comentou Evandro Milhomen.

Serviço:
Segunda edição do Projeto Des-Concerto
Local: Teatro das Bacabeiras
Data: 23/08/2019
Horário: 18h
Classificação: Livre




sexta-feira, 16 de agosto de 2019

Piquenique, Exposição e Palestra marcam o Dia Mundial da Fotografia em Macapá





Fotógrafos e entusiastas da fotografia organizam evento em comemoração ao Dia Mundial da Fotografia

A programação inicia no próximo sábado (17), na Biblioteca Pública Elcy Lacerda, com o curso gratuito de Lightroom para iniciantes, com o fotógrafo Maksuel Martins.






Já no domingo (18), às 16h, acontece o 5º Encontro Fotográfico na Praça Floriano Peixoto. Em seguida, às 18h, os fotógrafos e convidados seguem para a exposição fotográfica "Nós e os Nus" na Galeria de Artes da Fortaleza de São José.



"Nós e os Nus" está em sua segunda edição, revelando a poesia da fotografia do nu artístico feito pelas lentes dos profissionais Adson Rodrigues, Eude Rocha, Joaquina Araújo e Erich Macias. A curadoria da exposição é do fotógrafo Paulo Gil.
Na abertura da exposição está prevista a performance poética da artista Mary Paes e desfile de modelos do Studio Afronte, da Estilista Megh Araújo. Os organizadores também convidam para um debate que vai discutir os rumos da fotografia no Amapá e para a explanação do empresário Adolpho Eloy sobre fine art.



O evento é uma realização dos grupos Fotoclube de Macapá, Grupo de Energias Renováveis da Amazônia - GERA e Sindicato dos Fotógrafos, Cinegrafistas e Produtores de Imagem (SINDIMAGEM).


Agendamento de entrevistas: 
(96)98138-5712


Rainha do basquete Hortência é homenageada com emissão especial de selo

Os Correios colocam em circulação nesta quinta-feira (15) a segunda emissão da série Mulheres Brasileiras que Fizeram História, uma homenagem àquela que vale ouro por suas conquistas no basquete brasileiro: Hortência de Fátima Marcari. Prestes a completar 60 anos, a ex-jogadora agora faz parte da galeria dos homenageados pela filatelia brasileira. 


Exemplo de determinação e garra para as mulheres de todas as gerações, Hortência nasceu em Potirendaba, São Paulo, em 23 de setembro de 1959. Teve uma infância humilde, mas viu no esporte a chance de sobrevivência e de uma vida digna. Com o apoio dos pais na escolha pelo basquete, Hortência se superou. Em 1991, recebeu a medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos de Cuba; três anos depois foi campeã do Mundial da Austrália. Nos jogos Olímpicos de 1996, em Atlanta, recebeu a primeira medalha de prata olímpica do Brasil, feito inédito para a modalidade. 

Maior pontuadora da história da seleção brasileira de basquete - numa época que não valiam os arremessos de 3 pontos - Hortência tem mais de 3.160 pontos marcados em 127 partidas oficiais. Seu desempenho a tornou reconhecida como uma das maiores atletas de basquete de todos os tempos, no cenário internacional. Em 2018, foi escolhida como a maior jogadora de todos os tempos da Copa do Mundo ou Campeonato Mundial também pela FIBA.


A emissão - A foto que ilustra o selo foi tirada no exato momento da famosa respiradinha da Hortência, tempo em que ela se concentra para fazer um arremesso de lance livre. O registro fotográfico foi feito pela Confederação Brasileira de Basquete durante os Jogos Olímpicos em Atlanta. A folha com borda na cor magenta é composta por 18 selos, tendo o título da emissão no canto superior esquerdo e no canto superior direto desenhos estilizados de flores de hortênsias e uma bola de basquete. Foram usadas as técnicas de fotografia e computação gráfica. A emissão tem tiragem de 54 mil selos, com valor de R$1,95 a unidade. As peças estarão disponíveis nas principais agências de todo o país e também na loja virtual dos Correios.

Fonte: Assessoria dos Correios


quinta-feira, 1 de agosto de 2019

Correios: negociação com trabalhadores continua e prestação de serviços está normal



Após audiência realizada pelo ministro Renato de Lacerda Paiva, vice-presidente do Tribunal Superior do Trabalho, nesta quarta-feira (31), Correios e representações sindicais mantêm as negociações para assinatura do acordo coletivo da categoria, que continuam sendo mediadas pelo TST. 

Também ficou decidido que o Acordo Coletivo 2018/2019 continuará vigente até 31/8/2019 (a vigência era 31/7/2019). 

Os Correios informam que todos os serviços estão sendo prestados normalmente em todo o Brasil e orientam os clientes a, em caso de dúvida, buscarem informações nos canais oficiais da empresa, pela internet (http://apps2.correios.com.br/faleconosco/app/index.php) ou ligando para a Central de Atendimento no 0800 725 0100. 

A central atende de segunda a sexta-feira das 8h às 20h e aos sábados das 8h às 14h (horário de Brasília). 

quinta-feira, 25 de julho de 2019

Fineias Nelluty e Patricia Bastos no Bar do Vila


Estação Poesia na Praça Veiga Cabral


Emissão de Selos Mulheres Brasileiras que Fizeram História


Selo em homenagem a Elza Soares abre série especial

Os Correios colocaram em circulação a primeira emissão da série Mulheres Brasileiras que Fizeram História, com imagem da ilustre artista Elza Soares. As próximas homenagens serão a Hortência Marcari, Hebe Camargo, Carolina Maria de Jesus, Maria da Penha e Aracy de Carvalho Guimarães Rosa.
Elza Gomes da Conceição nasceu em 23 de junho de 1930 (ou 1937, não se sabe ao certo o ano), na antiga favela da Moça Bonita, Bairro de Padre Miguel, no Rio de Janeiro. Filha de uma lavadeira e de um operário, ainda pequena, mudou-se com a família para um cortiço no bairro da Água Santa, onde foi criada. Mais tarde passaria a se chamar Elza Soares.
A história da cantora e compositora foi escrita com ingredientes singulares de pobreza, sofrimento, determinação, coragem, talento e persistência. Aos 11 anos de idade foi obrigada a abandonar os estudos para se casar com um amigo de seu pai. No matrimônio, Elza foi submetida constantemente ao infortúnio da violência sexual e doméstica. Aos 12 anos, nasce o primeiro filho. Já aos 15, passa por outro grande trauma: o segundo filho morre de fome.
Em meio a tantas lutas e perdas, Elza Soares tinha o sonho de ser cantora. Sua primeira apresentação ao vivo ocorreu em 1953, no programa de Ary Barroso, na Rádio Tupy. Com sua voz rouca e envolvente, a artista propagava, com o clamor das letras de suas composições, a sua própria vida. Em 1960, passou a trabalhar apenas com música, cantando semanalmente no rádio. Depois, foi convidada para se apresentar na televisão, realizando nesse mesmo ano, uma turnê internacional, consolidando sua carreira.
Elza Soares é sinônimo de resiliência: enfrentou a fome, a pobreza, a violência (doméstica, sexual e psicológica), o ódio das massas, a ditadura, a morte de quatro filhos, o sequestro de uma filha e, agora, passa por um grave problema de coluna.
A emissão - Composta por 18 selos, a folha apresenta o título da emissão no canto superior esquerdo e, no canto superior direto, desenhos estilizados de um microfone e figuras musicais. A foto que ilustra o selo é de Patrícia Lino, feita em um show realizado no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, em Brasília. O símbolo do feminino é destacado em magenta. Foram usadas técnicas de computação gráfica. Com tiragem de 54 mil selos, a emissão tem valor de R$1,95 a unidade.


Série Signos do Zodíaco – Também entrou em circulação a quinta emissão da série Signos do Zodíaco: Leão. O selo apresenta vários elementos que representam esse signo, como o símbolo, que representa a juba do leão; o período regido pelo signo e uma faixa de cor vermelha indicando o elemento fogo, que rege os leoninos. Ao centro estão a imagem de um leão e o esquema de representação de sua constelação, uma das mais antigas e mais fáceis de identificar no céu. A tiragem é de 240 mil selos, com valor de R$1,30 a unidade.
As duas emissões estarão disponíveis nas principais agências de todo o país e também na loja virtual dos Correios.

terça-feira, 23 de julho de 2019

Correios lançam Balcão do Cidadão no Amapá

Os Correios lançaram na sexta-feira (19), em Macapá, o Balcão do Cidadão. A estratégia visa ampliar a parceria com instituições públicas e privadas para a oferta de serviços e outras conveniências nas agências dos Correios. É uma oportunidade na utilização da infraestrutura e da capilaridade da unidades de atendimento da empresa para expandir a prestação de multisserviços aos cidadãos.

Durante o evento, o Superintendente Estadual dos Correios em exercício, Benedito Vieira, ressaltou o avanço acelerado das tecnologias e o quanto é importante que os Correios estejam inseridos nesse processo de mudanças, colaborando com a inclusão social e promoção de políticas públicas.

O Diretor Presidente da Escola de Administração Pública do Amapá, Jorielson Nascimento, destacou o Balcão do Cidadão como uma ferramenta de valor social, que reafirma o compromisso da empresa em desenvolver serviços que atendam a sociedade como um todo.

O representante da AMPREV (Amapá Previdência), Gaudêncio Guimarães, falou sobre a assinatura do Protocolo de Intenções já assinado com os Correios pelo Diretor Presidente, Rubens Belnimeque. Gaudêncio ressaltou a capilaridade dos Correios como fator principal de facilitação do acesso, pelos associados, aos serviços daquela unidade previdenciária.

Ao término do evento, representantes dos Correios e as instituições convidadas posaram para o clic de Adriano Vidal (EAP)

Única empresa pública presente em todos 5.570 municípios brasileiros, os Correios já prestam vários serviços públicos em suas agências como a emissão, regularização e alteração de CPF, emissão de certificado digital, entrada no seguro por acidente de trânsito (DPVAT), distribuição de kit de conversão para recepção do sinal digital de TV e pagamento de aposentados de INSS por meio do Banco Postal. Alguns pilotos já foram realizados com sucesso dentro da proposta do Balcão do Cidadão como a emissão de Carteira de Identidade no Estado do Rio Grande do Norte; emissão de Carteira de Trabalho no Estado de São Paulo; e recadastramento escolar na cidade de Belo Horizonte/MG.

Com a ampliação de novas parcerias com a administração pública por exemplo, os mais de 11 mil pontos de atendimento dos Correios espalhados pelo país se tornam centrais de serviços do governo, locais onde os cidadãos podem encontrar serviços importantes e necessários no seu dia a dia. Assim, será possível gerar economia aos cofres públicos, encurtar distâncias e proporcionar melhor qualidade de vida aos brasileiros.

quinta-feira, 18 de julho de 2019

Hoje é quinta, dia de Estação Lunar na Fazendinha


A Prefeitura de Macapá convida geral para participar da Estação Lunar desta quinta-feira (18). Por lá, a temperatura vai subir!

Vai rolar um encontro inesquecível da  música do Amapá e Guiana Francesa, com os ritmos que agitam a nossa fronteira. Vem pra Estação!

Sigam e Marquem as hashtags: 

#sovem! #estaçãolunar#prefeiturademacapa #macapa #guianafrancesa

fonte: Prefeitura de Macapá




Machado de Assis e Joaquim Nabuco são homenageados em selo


Os fundadores das cadeiras 23 e 27 da Academia Brasileira de Letras (ABL), Machado de Assis e Joaquim Nabuco, são homenageados em emissão dos Correios que será pré-lançada nesta quinta-feira (18). A cerimônia ocorrerá na sede da instituição, no Rio de Janeiro, às 17h30. 
Joaquim Maria Machado de Assis, jornalista, contista, cronista, romancista, poeta e teatrólogo, nasceu no Rio de Janeiro (RJ) em 21 de junho de 1839. Iniciou a carreira com a tradução de Queda que as mulheres têm para os tolos (1861). Seu primeiro livro de poesias, Crisálidas, saiu em 1864. Em 1867, foi nomeado ajudante do diretor de publicação do Diário Oficial. Dois anos depois, em 12 de novembro, casou-se com Carolina Augusta Xavier de Novais, que foi sua companheira por 35 anos. 
Machado colaborou na Revista Brasileira, participando do grupo que planejou a criação da ABL, inaugurada em 28 de janeiro de 1897. Naquele ano, foi eleito presidente da Instituição, cargo que ocupou por mais de dez anos. O escritor se dedicou à Academia até o fim da vida, falecendo em 29 de setembro de 1908, também na cidade do Rio de Janeiro. 

Escritor e diplomata, Joaquim Aurélio Barreto Nabuco de Araújo nasceu no Recife (PE) em 19 de agosto de 1849. Era filho do Senador José Tomás Nabuco de Araújo e de Ana Benigna Barreto Nabuco de Araújo. Iniciou o curso de Direito em São Paulo, a partir de 1865, mas formou-se em seu Estado natal, em 1870. Foi Adido de Primeira Classe em Londres, depois em Washington, de 1876 a 1879. 

De 1881 a 1884, Joaquim Nabuco viajou pela Europa e publicou sua primeira obra, O Abolicionismo. Ao ser proclamada a República, em 1889, já de volta ao país, retirou-se da vida pública, dedicando-se à sua obra e ao estudo. Nessa fase, enquanto escrevia duas de suas obras mais importantes: Um Estadista do Império e Minha formação, estreitou relações de amizade com Machado de Assis e participou das reuniões preliminares de instalação da ABL, sendo designado secretário-geral da Instituição na sessão de 28 de janeiro de 1897. Exerceu o cargo até 1899 e, também, de 1908 a 1910, quando faleceu em Washington (EUA).


A emissão - As fotos dos Imortais da ABL foram trabalhadas digitalmente para refletir um tom quase dourado. No centro da composição, foi aplicado o ex-libris da Academia em vetor, com único toque em cor verde e os nomes inseridos em faixas idênticas, ressaltadas por suave sombra para dar destaque. As técnicas utilizadas foram fotografia e computação gráfica.
A emissão tem tiragem de 120 mil selos, no valor de R$ 2,10 a unidade. As peças estarão disponíveis, a partir do dia 20 de julho, nas principais agências de todo o país e também na loja virtual dos Correios.

Fonte: Assessoria de Comunicação dos Correios
           Fone: (96)2101-7208/98138-5712 


quarta-feira, 17 de julho de 2019

Correios do Amapá lança o serviço Balcão do Cidadão


Balcão do Cidadão promete simplificar atendimentos à população através de parcerias com  instituições públicas e privadas


Na próxima sexta-feira (19), os Correios do Amapá realizam lançamento do serviço Balcão do Cidadão. A iniciativa prevê a disponibilização de serviços públicos com qualidade, comodidade e conveniência nas agências dos Correios. 

O evento será às 15h no auditório da Escola de Administração Pública do Amapá, em Macapá. Instituições como ministérios, tribunais e prefeituras, por meio do Balcão do Cidadão, poderão ampliar o acesso a serviços como emissão de CPF, entre outras conveniências, com a oportunidade de utilizar a infraestrutura e a capilaridade da estatal. 

O evento contará com a presença do Superintendente Estadual dos Correios em exercício, Benedito Vieira, autoridades do setor público, parlamentares e empresários. 
O Diretor Presidente da AMPREV, Rubens Belnimeque assinou esta semana o protocolo de intenções que firma a parceria com os Correios. Com a adesão, os beneficiários terão em cada agência dos Correios um ponto de apoio para acesso aos serviços daquela unidade previdenciária.

Programação

Abertura

Benedito Barbosa Vieira
Superintendente Estadual de Operações do Amapá - Correios

Apresentação - Balcão do Cidadão
Sr. Heráclito Mendes Jr.
Supervisor de Vendas dos Correios

Serviço
Lançamento do Balcão do Cidadão Correios
Data: 19/7/2019, às 15h
Local: Auditório da Escola de Administração Pública do Amapá – EAP
Rua Amazonas, 20 – Centro, Macapá/AP


Assessoria de Imprensa: (96)98138-5712


segunda-feira, 29 de abril de 2019

Correios anuncia vencedores da etapa regional do 48º Concurso Internacional de Redação de Cartas

Concurso Internacional de Cartas: conheça o vencedor da etapa regional

No Amapá, a vencedora regional da 48ª edição do Concurso Internacional de Redação de Cartas, promovido pela União Postal Universal (UPU) e realizado no Brasil pelos Correios, é Elaine Rebeca Guerra Dias estudante de 14 anos, que cursa o 1º ano do Ensino Médio, na escola estadual Risalva Freitas do Amaral, em Macapá. A aluna e a escola receberão certificado, além das premiações de R$ 2 mil e R$ 2,5 mil, respectivamente. 
O tema deste ano foi “Escreva uma carta sobre o seu herói”. O objetivo do Concurso Internacional de Redação de Cartas é melhorar a alfabetização por meio da arte epistolar. O concurso anual incentiva as crianças e adolescentes a expressarem sua criatividade e melhorar seus conhecimentos linguísticos. 
Além de Elaine Rebeca, foram classificados, em segundo e terceiro lugares, respectivamente, Luiza Pinon Nery de Oliveira, 15 anos, do 2º ano do Ensino Médio, na escola Conexão Aquarela, de Macapá e Laura dos Santos Raiol, 13 anos, do 8º ano do Ensino Fundamental, na escola estadual Professora Josefa Jucileide Amoras Colares, de Macapá. Os estudantes e as escolas representantes também receberão premiações. 

O resultado nacional do concurso será divulgado no dia 2/5, no site dos Correios.